logo_grupo_interclinicas.png

Atendimento 24 horas

(11) 3421-6352

Clinica de reabilitação de dependente químico

Riscos do consumo abusivo:

 

O consumo abusivo de álcool e drogas é um problema de saúde pública. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 6% de todas as mortes no mundo estão relacionadas ao uso nocivo de álcool. No Brasil, estima-se que a taxa de abuso/dependência do álcool seja de 5,6%. De acordo com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), 247 milhões de pessoas usaram drogas no último ano, sendo que 29 milhões apresentam transtornos por conta dessas substâncias.

 

No entanto, apenas uma em cada seis pessoas nessas condições recebe tratamento.

 

O uso nocivo de álcool e drogas afeta vários aspectos da vida do indivíduo e daqueles a seu redor. Em muitos casos, gera problemas graves, como acidentes, violência, desenvolvimento ou agravamento de doenças, queda no desempenho escolar e no trabalho, ou transtornos mentais e conflitos familiares.

 

Somado a isso, os processos de diagnóstico e tratamento ainda sofrem com a negação do problema, o preconceito e a falta de informação, tornando-os ainda mais difíceis.

 

Atualizado em 25/01/2021.

 

Quando você decide procurar ajuda para um transtorno de uso de drogas ou álcool, você não passa por todo o processo apenas para começar a usar novamente. Na verdade, a prevenção de recaídas deve ser um componente importante de seus esforços de recuperação. Você sabia que pode iniciar o processo de prevenção de recaídas ao entrar em um centro de desintoxicação supervisionado por um médico ?

 

O perigo onipresente de um revés

Para começar, saiba que uma recaída não significa que você falhou. Quando você se lembra de que o vício em drogas é uma doença crônica assim como o diabetes, isso coloca um revés em perspectiva. Ninguém condenaria um paciente diabético por sofrer um revés para a saúde. Da mesma forma, sua recaída no uso de uma droga novamente não é um fracasso, mas apenas um revés para enfrentar de frente.