logo_grupo_interclinicas.png

Atendimento 24 horas

(11) 3421-6352

profissionais.jpg

Casa de Recuperação de Alcoolismo na Freguesia do Ól:

 

Participaram deste estudo 26 sujeitos diagnosticados como dependentes de álcool (através dos critérios diagnósticos da CID-10) em tratamento no Centro de Dependência Química (CDQUIM), unidade do Hospital Parque Belém, em Porto Alegre, RS. Foram convidados a participar da pesquisa tanto os pacientes internos quanto aqueles que realizavam atendimento ambulatorial.

 

O local onde foi realizada a pesquisa é um centro especializado no tratamento da dependência química e do alcoolismo e funciona como uma unidade hospitalar. O hospital situa-se na zona sul da cidade e é referência para a população dessa região sem, no entanto, deixar de atender à região metropolitana de Porto Alegre e interior do Estado.

 

Os critérios de inclusão na amostra foram os seguintes: (a) ter idade superior a 18 anos e inferior a 60; (b) estar há mais de sete dias em abstinência; (c) não ser dependente de outras substâncias psicoativas (com exceção do tabaco).

 

Participaram do estudo sujeitos com idades entre 24 e 58 anos (M = 43,62; DP = 8,57). Em sua maioria, a amostra pesquisada foi composta por sujeitos do gênero masculino (80,8%). Quanto à escolaridade, 38,5% dos participantes não concluíram o ensino fundamental, 7,7% possuíam ensino fundamental completo e 38,5%, o ensino médio completo, 11,5% não concluíram o ensino superior e, ainda, 3,8% dos sujeitos pesquisados não informaram seu nível de instrução. No tocante ao estado civil, os participantes se distribuíram em: solteiros (26,9%), casados (57,7%), separados ou divorciados (7,7%), não informaram (7,7%). Com respeito ao regime de tratamento, a amostra incluiu participantes em internação durante a aplicação da testagem (57,7%) e participantes realizando atendimento ambulatorial (42,3%).

 

Em relação ao tempo de abstinência, verificou-se grande variabilidade entre os participantes. O menor tempo de abstinência registrado foi de 7 dias, enquanto o maior foi de 396 dias, resultando em um tempo médio de 53,54 dias (DP = 83,59). O tempo de abstinência mais identificado entre os participantes foi de sete dias.